Computador

[Computador] [twocolumns]

Xbox

[Xbox] [twocolumns]

PlayStation

[PlayStation] [twocolumns]

Nintendo

[Nintendo] [twocolumns]

Notícias

[Notícias] [twocolumns]

Downloads

[Downloads] [grids]

Capcom diz que produzir no PS4 e Xbox One dá dez vezes mais trabalho


A Capcom começou a trabalhar num novo motor de jogo Panta Rhei, deixando para trás o habitual MT Framework. Este novo motor assinala o início de uma era com grande potencial, no entanto para se poder atingir a sua plenitude, será necessário mais trabalho do que nunca.

No processo de adaptação para a nova geração e todas as expetativas que daí advêm, a Capcom descobriu que fazer jogos de grande qualidade no Xbox One e PS4 requer uma grande quantidade de tempo e recursos.

Numa entrevista publicada pela própria Capcom, Masaru Ijuin, Gestor sénior da Tecnologia da Capcom, explicou que, "É claro que aumentar a qualidade de um jogo leva a um aumento no número de pessoas e horas. A quantidade de trabalho envolvido empregue na produção de jogos para a nova geração de consoles é oito a dez vezes maior que na geração passada."

Ijuin explicou que, muitos pensam que por a Xbox One e a PS4 ter uma arquitetura semelhante ao de um PC é muito mais fácil de desenvolver jogos para elas. Apesar de ser verdade em termos de programação, conseguir retirar o máximo partido dos novos consoles requer uma quantidade incrível de trabalho.

O gestor de tecnologia da Capcom referiu também que é muito fácil para os produtores lançarem jogos que não ofereçam nada de novo, no entanto se quiserem agradar aos fãs, terão que criar algo que nunca fizeram antes.

Outro desafio está no fato de agora as equipas de arte terem que redefinir uma atenção, sem precedentes, no detalhe dos cenários dos jogos e modelos dos personagens. Os programadores estão também a trabalhar para criar processos mais rápidos que tirem partido dos CPUs mais rápidos da nova geração. Isso tudo tem um custo.

O primeiro verdadeiro jogo da nova geração da Capcom será Deep Down. O jogo corre sobre o novíssimo motor Panta Rhei, e irá mostrar o resultado de todo o trabalho árduo produzido pela companhia nipónica.
Postar um comentário
  • Blogger Comentar usando Blogger
  • Facebook Comentar usando Facebook
  • Disqus Comentar usando Disqus

Nenhum comentário :