Computador

[Computador] [twocolumns]

Xbox

[Xbox] [twocolumns]

PlayStation

[PlayStation] [twocolumns]

Nintendo

[Nintendo] [twocolumns]

Notícias

[Notícias] [twocolumns]

Downloads

[Downloads] [grids]

Microsoft anuncia o DirectX 12, API pronta para explorar todo o potencial das placas Nvidia


A Microsoft apresentou na Game Developers Conference (GDC), em São Franscisco, a versão 12 da API para games mais popular do mundo, o DirectX.

O DirectX 12 promete explorar todo o potencial das placas de vídeo, usando instruções mais próximas ao hardware para extrair mais desempenho de componentes com múltiplos núcleos, como as placas de vídeo da linha GTX e seus diversos núcleos CUDA.

No palco do evento, Anuk Gosalia, Gerente de Desenvolvimento do DirectX, apresentou para um público de 500 desenvolvedores a nova tecnologia, criada com o apoio conjunto de desenvolvedores de jogos, fabricantes de componentes como a Nvidia e os profissionais da Microsoft. Gosalia demonstrou o game de Xbox One, Forza rodando na nova API, sendo executado por uma GeForce GTX Titan Black.

O DirectX 12 vem com o objetivo de reduzir os gargalos em componentes como a CPU, com um uso mais eficiente do "poder de fogo" presente no sistema, como uma placa de vídeo da linha GeForce.

Enquanto a tecnologia dos processadores vem encontrando barreiras para seguir aumentado a performance em apenas um núcleo, o paralelismo (combinação de vários núcleos de processamento) aparece como uma solução, porém é preciso APIs desenvolvidas para explorar este grande número de núcleos presentes nas placas de vídeo.

imagem

Todas as GPUs da Nvidia compatíveis com o DirectX 11 receberão suporte à nova API, o que inclui as famílias Fermi, Kepler e Maxwell, o que traz um grande alcance para o DirectX 12: a Nvidia responde por mais da metade do mercado de sistemas para games com DirectX 11, trazendo com isto uma grande base instalada para a nova API atuar.

A estreia de hoje apenas mostrou as bases da nova API. No futuro, mais novidades sobre o Direct3D trarão novos recursos de renderização, novos drivers e modelos de aplicações que irão redefinir as capacidades da computação gráfica.

imagem

A apresentação na GDC, é apenas um começo, e o trabalho conjunto das tecnologias da Nvidia e Microsoft continuarão a definir o futuro dos games em PCs.
Postar um comentário
  • Blogger Comentar usando Blogger
  • Facebook Comentar usando Facebook
  • Disqus Comentar usando Disqus

Nenhum comentário :